Seguidores. Siga-nos Também Irmãos em Cristo !!

Desmacarando as Testemunhas de Jeová - Parte 03

Postado por: Igreja Assembleia de Deus Cidade Nova
III. POR JEOVÁ E CONTRA CRISTO
Quanto à Pessoa de Cristo, a doutrina das "testemunhas-de-jeová" é essencialmente ariana, e se identifica muito bem com di­ferentes correntes heréticas surgidas nos primeiros séculos da história da Igreja.

3.1. Rejeição da Divindade de Cristo
Quanto à Pessoa e à divindade de Jesus Cristo, dizem os jeovistas:
"Este [Jesus Cristo], não era Jeová Deus, mas estava 'existin­do na forma de Deus'. Como assim? Ele era uma pessoa espiritu­al, assim como 'Deus é Espírito'; era poderoso, mas não Todo-poderoso como o é Jeová Deus: também ele existia antes de todas as outras criaturas de Deus porque foi o primeiro filho que Jeová Deus trouxe à existência. Por isso é chamado 'o Filho unigênito' de Deus, porque Deus não teve associado ao trazer à existência o seu unigênito Filho... Ele não é o autor da criação de Deus; mas, depois de Deus o haver criado como primogênito, usou-o como seu obreiro associado ao trazer à existência todo o resto da cria­ção" (Seja Deus Verdadeiro, pp. 34,35).

Em resumo, o que se conclui deste ensino herético é que Jesus Cristo:
a. Não é Deus;
b. Em sua vida humana foi simplesmente uma pessoa espiritual;
c. Não é Todo-poderoso;
d. Foi criado pelo Pai, como criadas foram as demais coisas;
e. Não é o autor da Criação.

3.2. A Bíblia Enfatiza a Divindade de Cristo
O testemunho geral das Escrituras é que:
a. Cristo é Deus (Jo 1.1; 10.30,33,38; 14.9,11; 20.28; Rm 9.5; Cl 1.15; 2.9; Fp 2.6; Hb 1.3; 2 Co 5.19; 1 Pe 1.2; 1 Jo 5.2; Is 9.6).
b. Cristo é Todo-poderoso (Mt 28.18; Ap 1.8).
c. Cristo não foi criado, pois é eterno (Jo 1.18; 6.57; 8.19,58; 10.30,38; 14.7,9,10,20; 16.28; 17.21).
d. Cristo é o autor da Criação (Jo 1.3; Cl 1.16; Hb 1.2,10; Ap3.14).

Muitas afirmações feitas no Antigo Testamento a respeito de Jeová são cumpridas e interpretadas no Novo Testamento, referin­do-se a Jesus Cristo. Compare:
Isaías 40.3,4 com Lucas 1.68,69,76
Êxodo 3.14 com João 8.56-58
Jeremias 17.10 com Apocalipse 2.23
Isaías 60.19 com Lucas 2.32
Isaías 6.10 com João 12.37-41
Isaías 8.12,13 com 1 Pedro 3.14,15
Isaías 8.13,14 com 1 Pedro 2.7,8
Números 21.6,7 com 1 Coríntios 10.9
Salmos 23.1 com João 10.11; 1 Pedro 5.4
Ezequiel 34.11,12 com Lucas 19.10
Deuteronômio 6.16 com Mateus 4.10.

3.3. Provada a Divindade de Cristo
Atributos inerentes a Deus Pai relacionam-se harmoniosamente com Cristo, provando a sua divindade. Deste modo a Bíblia apre­senta-o como:
O Primeiro e o Último (Is 41.4; Cl 1.15,18; Ap 1.17; 21.6).
Senhor dos senhores (Ap 17.14).
Senhor de todos e Senhor da Glória (At 10.36; 1 Co 2.8).
Rei dos reis (Is 6.1-5; Jo 12.41; 1 Tm 6.15).
Juiz (Mt 16.27; 25.31,32; 2 Tm 4.1; At 17.31).
Pastor (SI 23.1; Jo 10.11,12).
Cabeça da Igreja (Ef 1.22).
Verdadeira Luz (Lc 1.78,79; Jo 1.4,9).
Fundamento da Igreja (Is 28.16; Mt 16.18).
O Caminho (Jo 14.6; Hb 10.19,20).
A Vida (Jo 11.25; 1 Jo 5.11,12).
Perdoador de pecados (SI 103.3; Mc 2.5; Lc 7.48,50).
Preservador de tudo (Hb 1.3; Cl 1.17).
Doador do Espírito Santo (Mt 3.11; At 1.5).
Onipresente (Ef 1.20-23).
Onipotente (Ap 1.8).
Onisciente (Jo 21.17).
Santificador (Hb2.11).
Mestre (Lc 21.15; Gl 1.12).
Ressuscitador de si mesmo (Jo 2.19).
Inspirador dos profetas (1 Pe 1.17).
Supridor de ministros à Igreja (Ef 4.11).
Salvador (Tt 3.4-6).
Marcadores:

1 comentários:

BARIP disse...

Intolerância religiosa é crime
A Lei n.º 7.716/89 (Lei Caó) do Código Penal diz : a) ofender alguém com xingamentos relativos à sua raça, cor, etnia, religião ou origem. (Art. 140 do Código Penal (injúria), com a qualificadora do §3º. Pena: um a três anos de reclusão). Inclui-se aqui o ato de ofender alguém com xingamentos à sua religião.
Em São Paulo, ocorrências de natureza preconceituosa podem ser registradas na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância. A ONG Liberdade Religiosa auxilia vítimas de intolerância religiosa a procurarem seus direitos.



Rádio

Rádio Tempo de Amar